Dossiê da Dieta Líquida: confira 12 perguntas e respostas

Descubra os prós e contras dessa dieta e por que ela resulta no emagrecimento rápido

Basicamente, a dieta líquida é elaborada por meio de um cardápio rico em chás, sucos, vitaminas e sopas.  A substituição de alimentos sólidos pelos líquidos é a principal característica dessa dieta que influencia no emagrecimento rápido.

Dieta líquida ajuda a perder peso de modo rápido.

Os sucos de fruta são grandes aliados durante a dieta líquida. (Foto: Divulgação).

No entanto, é importante saber que tal restrição sugere algumas precauções. E para ficar por dentro de cada uma delas, acompanhe as 12 perguntas e respostas que separamos a seguir.

12 perguntas e respostas sobre a dieta líquida

Entre os alimentos que reinam na dieta líquida os chás desintoxicantes  e a sopas para emagrecer acabam sendo os principais.  No entanto, por mais que o consumo dessas receitas resulte no emagrecimento, é preciso entender se essa saída é a melhor para você.

De imediato, deixamos claro que a única pessoa, ou melhor, profissional que pode dar essa resposta é o nutricionista. Mas como informação nunca é demais, veja a seguir algumas que podem tirar as suas principais dúvidas antes da consulta!

1 – Como funciona a dieta líquida?

Como o seu próprio nome aponta, a dieta líquida é feita a partir da substituição dos alimentos sólidos pelos líquidos. Em relação ao cardápio, ele será rico em alimentos como sopas, sucos, chás e shakes.

2 – A dieta líquida emagrece?

No caso das dietas líquidas mais restritas é possível perder até 10 kg em 15 dias. Contudo, é importante ressaltar que o emagrecimento proporcionado irá depender basicamente do metabolismo de cada pessoa e como ela está sendo feita.

3 – Quais são os alimentos permitidos?

Todos os alimentos que estejam na forma líquida podem ser ingeridos nesse tipo de dieta. Logo, serão bem-vindos os seguintes:

  • Água;
  • Sucos de fruta,
  • Manteiga, margarina, óleo, creme de leite;
  • Sorvetes;
  • Picolés;
  • Gelatina;
  • Caldo de sopa;
  • Refrigerantes zero ou Light;
  • Gelatina;
  • Chá;
  • Café;

4 – Quais tipos de comida podem ser tornar líquidos?

Além dos alimentos que já estão na forma líquida, vale lembrar que há também aqueles que podem ganhar essa consistência. Entre os mais recomendados pelos nutricionistas, destacam–se o purê de batata papinha de bebê,  cereais refinados e farinha de aveia.

5 – Quais sãos os prós da dieta líquida?

Quando feita da maneira correta, com uma composição rica em nutrientes e vitaminas, os benefícios da dieta líquida são resultados por um emagrecimento rápido e que promove desintoxicação do corpo.

6 – Quais são os contras da dieta líquida?

Agora, sobre os pontos negativos, devida a falta de alimentos na sua composição sólida a dieta líquida pode ocasionar problemas relacionados a indisposição, prisão de ventre e enfraquecimento muscular. E além desses problemas que acometem mais o estado físico, vale ressaltar que há outros que influenciam no psicológico, dentre eles a ansiedade e compulsão alimentar são os principais.

7 – Como fazer uma dieta líquida saudável?

As sopas deixam a dieta líquida mais saudável. (Foto: Divulgação).

Fora o acompanhamento de um nutricionista, para que uma dieta líquida seja saudável, é importante que todos os alimentos ingeridos nessa forma sejam ricos em vitaminas.  Visto que pela diminuição no consumo de calorias as carências nutricionais podem acometer nos pontos negativos que citamos na pergunta anterior.

8 – Quanto tempo deve durar a dieta líquida?

De acordo com uma matéria realizada pelo site Dicas de Mulher, o nutricionista Marcelo Langsdorff aponta que a duração da dieta líquida deverá variar de acordo com a sua finalidade. Dessa forma, para aqueles que pretendem apenas realizar uma desintoxicação, o ideal é que ela dure 03 dias. Agora, os que querem perder peso o recomendado é que ela não passe dos 15 dias.

9 – Quem não pode esse tipo de dieta?

A dieta líquida não é recomendada para pessoas acometidas por doenças como diabetes, hipertensão, insuficiência renal ou que estejam realizando um tratamento contra o câncer. Isso porque, por conta da baixa quantidade de calorias ingeridas, esses quadros podem se agravar ao decorrer dessa restrição alimentar.

10 – Quem pode fazer a dieta?

Todos aqueles que não apresentem os problemas de saúde citados na pergunta anterior, podem realizar a dieta líquida. No entanto, como já ressaltamos, apenas um nutricionista pode dizer se esse procedimento é o ideal para você.

11 – É difícil manter os resultados obtidos?

Aderir a práticas saudáveis que envolvam uma alimentação balanceada e a realização de exercícios físicos são os fatores essenciais para manter os resultados da dieta líquida.  Isso porque, se os hábitos que influenciaram a essa escolha não forem mudados, efeito sanfona será uma realidade que você terá que lidar.

12 – Quantas calorias são ingeridas em uma dieta líquida?

Os alimentos líquidos ingeridos durante esse tipo dieta, normalmente, reúnem um cardápio de 600 a 1000 calorias diárias.  Por conta desse motivo que essa restrição alimentar não pode passar de 15 dias. Uma vez que a quantidade ingerida está muito abaixo do recomendado, que varia entre 1500 a 2000 calorias por dia.

E aí? Conseguiu tirar as suas dúvidas sobre dieta líquida? Compartilhe com a gente sua opinião e fique por dentro deste portal!

Comente