Pinhão emagrece mesmo? Entenda melhor os benefícios

Publicado por Isabella Moretti


Será que o pinhão emagrece mesmo? Muitas pessoas estão com essa dúvida em mente. Leia a matéria e descubra se o alimento realmente ajuda a perder peso. Conheça também os principais benefícios dessa semente para o corpo.

Cozido ou assado, o pinhão é o ingrediente de muitos pratos típicos no Brasil. Ele se forma dentro da pinha, que, por sua vez, provém de uma árvore chamada Araucária (comum na região sul e sudeste do país).

Uma porção de pinhões é perfeita para a hora do lanche. (Foto: Divulgação)

Poucas pessoas sabem, mas o pinhão é considerado uma poderosa fonte de nutrientes. Ele é rico em proteínas, cálcio, fósforo e ferro. Sua composição também conta com vitaminas A, B1 e C.

Pinhão emagrece mesmo ou não?

O pinhão emagrece porque libera uma substância chamada ácido linoleico. Esse ácido atua no corpo como um supressor da fome, portanto, reduz o apetite na hora das refeições.

O pinhão não é um alimento para se comer o tempo todo. O seu consumo deve acontecer com moderação, afinal, cada porção de 100g dessa semente tem até 196 kcal. O teor de gordura também é considerado elevado.

Para não comprometer a boa forma física, o consumo do pinhão deve acontecer apenas na hora do lanche da manhã ou da tarde. Uma porção de 10 unidades é suficiente para acabar com a fome e prolongar a saciedade. Quem consome uma quantidade maior corre o risco de engordar.

Comer uma pequena porção de pinhões no final da tarde é uma ótima estratégia para reduzir a vontade de comer durante a noite. Dessa forma, o apetite para o jantar será mais moderado.

O pinhão prolonga a sensação de saciedade. (Foto: Divulgação)

Como preparar pinhão para consumo?

Não tem segredo para preparar o pinhão. Você só precisa colocar as sementes numa panela de pressão com bastante água. Leve ao fogo e deixe cozinhar por 1 hora e meia. Quando os pinhões começarem a abrir as pontinhas, acrescente sal e deixe ferver sem a tampa, por aproximadamente 20 minutos.

Corte os pinhões no sentido do comprimento e remova a casca. Pronto! Agora é só aproveitar esse delicioso aperitivo.

Benefícios do pinhão para o corpo

O alimento possui propriedades antioxidantes. (Foto: Divulgação)

O pinhão é rico em magnésio, fósforo e cálcio. Esses minerais ajudam a aliviar a fadiga e a tensão muscular, sem falar que aumentam a disposição para as atividades do dia-a-dia. A presença de gorduras “do bem” na semente também ajuda a prevenir doenças cardiovasculares.

Quem inclui pinhões cozidos no cardápio também consegue se proteger contra a degeneração ocular, que se manifesta através de doenças como a catarata. Esse alimento contribui, ainda, com o fortalecimento dos ossos e combate o envelhecimento.

Ao incluir o pinhão na dieta, também é possível contribuir com o bom funcionamento do intestino. O alimento combate a prisão de ventre devido à grande quantidade de fibras que possui na sua composição. Como toda boa fonte de ferro, o pinhão também previne anemias.

O pinhão emagrece, desde que seja consumido com moderação entre os intervalos das principais refeições. A ingestão dessa semente deve ser acompanhada de exercícios físicos e de uma dieta balanceada.




Compartilhe suas ideias! Deixe um comentário...